O que é Zumbido? - Dr. Alexandre César

O que é Zumbido?

O que é o Zumbido?

Zumbido ou tinido é um som percebido nos ouvidos ou na cabeça sem que haja uma fonte sonora ao redor, ou seja, uma ilusão auditiva.

É um sintoma (e não uma doença!) que geralmente tem origem em algum ponto da via auditiva, podendo ser único sintoma ou fazer parte da sintomatologia de várias doenças.

Não é uma afecção rara, podendo acometer até 20% das pessoas, sendo o terceiro sintoma que mais causa incômodo perdendo apenas para dor e tontura. Muitos indivíduos apresentam o zumbido associado a outros sintomas como perda auditiva, tontura, vertigem e hiperacusia (intolerância a sons).

O zumbido raramente está relacionado a doenças graves e deve-se proceder a investigação médica detalhada e individualizada, para um tratamento adequado visando a solução do problema na maioria das vezes, ou mesmo, sua atenuação e controle.

O zumbido pode parecer com inúmeros sons com cigarra, apito, chiado, grilo, cachoeira, motor, com as batidas do coração, com “bater de asas de borboleta, etc; podendo ser contínuo ou intermitente e mudar o timbre a depender da situação.

 

Causas do Zumbido

Na maioria dos casos, o zumbido está relacionado a um transtorno em alguma parte das vias auditivas, desde a orelha externa até o cérebro. Outras vezes pelo sistema para-auditivo (vasos, músculos, tuba auditiva) ou doenças sistêmicas.

E podemos ter zumbido por mais de uma causa em uma mesma pessoa:

  • originadas no sistema auditivo (nos ouvidos), sendo a causa mais comum;
  • alterações no metabolismo e hormonais (p.ex.: do açúcar, deficiência de vitaminas, alterações colesterol e/ou triglicérides, alterações função da glândula tireóide, deficiência de Zinco, etc);
  • alterações cardiovasculares;
  • doenças neurológicas;
  • distúrbios psiquiátricos;
  • problemas odontológicas (p.ex: disfunção da articulação têmporo-mandibular);
  • distúrbios musculares da região de cabeça e pescoço.
 

Investigação do Zumbido

Assim, um histórico médico e exame físico detalhados são essenciais, onde serão investigados os diversos aspectos de cada indivíduo, com o objetivo de esclarecer a causa do zumbido.

A investigação prossegue com a solicitação dos exames complementares:

  • Avaliação do sistema auditivo: inicialmente através de uma Audiometria e Impedanciometria.
  • Exames de sangue para avaliação metabólica, dosagem de zinco, magnésio, vitaminas, etc.

Outros exames complementares podem ser necessários, tanto para avaliação auditiva, bem como em casos selecionados exames de imagem (tomografia computadorizada, ressonância magnética, etc).

 

Tratamento da causa do Zumbido

Após a identificação da causa do zumbido, como por exemplo, um problema metabólico como o Diabetes, ou a indicação de tratamento cirúrgico nos casos de perfuração timpânica ou otosclerose, ou mesmo o tratamento de uma Disfunção Têmporo-Mandibular; ou seja, tratando a doença de base poderemos curar o zumbido ou amenizá-lo.

 

Tratamento do Zumbido

Nem sempre, as causas são identificadas após uma investigação exaustiva. Outras vezes, mesmo que identificadas, não são passíveis de correção. Nestes casos, opta-se pelo tratamento do zumbido Atualmente, as perspectivas sobre o tratamento deste sintoma é mais favorável, admitindo várias formas de tratamento de acordo com cada caso. Tratar o zumbido com o uso de medicamentos é apenas uma das alternativas de tratamento.

 

Tratamento medicamentoso

Inúmeros medicamentos podem ser usados de maneira individual e na tentativa de se evitar efeitos colaterais indesejáveis.

 

Tratamentos não-medicamentoso

  • Dieta;
  • Mascaramento auditivo;
  • Adaptação de aparelhos para audição nos pacientes com perda auditiva;
  • Adaptação de aparelhos para audição associado a terapia de Retreinamento do zumbido, ou ainda, terapia da habituação para zumbido;
  • Fisioterapia (com busca e tratamento de pontos dolorosos específicos relacionados ao zumbido);
  • Odontológico, como na Disfunção Têmporo-Mandibular;
  • Psicoterapia;
  • Tratamento cirúrgico de doenças do ouvido (casos de perfuração timpânica.

O Tratamento do zumbido é personalizado e está diretamente relacionado à identificação de cada um dos fatores causais, mas a cura pode chegar a 80% dos casos!!!